Continua. A qualquer momento está aí à tua frente... Então já estás de novo a sorrir. Tal e qual como é. Continua

Sunday, September 28, 2008

Conta-me historias daquilo que eu nao vi: Aurora

No alto de um pequeno penhasco vislumbras a madrugada.
Escutas a aurora com o odor a fresco de um novo dia
Lá em baixo o murmurio da humanidade ainda tem o manto do silencio que antecede a recepçao do Sol
Estendes a mao e afagas a pequena civilizaçao de onde estás agora ausente
Fazes parte dela, bem sabes
Mas agora, nesse breve instante que é a aurora
Contigo
Embebido na tua Essência
Pax interna
Pax eterna
Essência
Essencial

Labels:

0 Comments:

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home